10 out 2019

Contraceptivos gratuitos estão longe do ideal

Autor: riccardus | Categoria: Sem categoria
[Contraceptivos gratuitos estão longe do ideal]

O planejamento familiar deveria ser direito de todo cidadão e a oferta de formas de contracepção gratuitas no país está longe ideal. Somente nove capitais oferecem todos os métodos contraceptivos que constam na Rename (Relação Nacional de Medicamentos Essenciais), determinada pelo Ministério da Saúde.


Segundo dados do MUNIC, o perfil dos municípios brasileiros do IBGE, apenas Manaus (AM), Brasília (DF), Vitória (ES), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Porto Alegre (RS), Natal (RN), Florianópolis (SC) e Palmas (TO) integram a lista. 


Os métodos que devem ser ofertados pelo SUS, conforme o artigo primeiro da lei do planejamento familiar, são pílulas anticoncepcionais regulares, pílulas do dia seguinte, anticoncepcionais injetáveis, diafragma, DIU (Dispositivo Intrauterino) de cobre e preservativos masculino e feminino. O que mais está em falta é o diafragma.

Fonte: O Bancário

Deixe uma Resposta