7 ago 2018

Brasileiro pega empréstimo para pagar contas

Autor: riccardus | Categoria: Sem categoria

O brasileiro pena com a política de austeridade imposta pelo grande capital por meio do governo Temer e pagar despesas do dia a dia está cada vez mais difícil. Para conseguir quitar contas de água, energia e supermercado, por exemplo, as famílias recorrem a empréstimos bancários, limite do cheque especial e parcelamento no cartão de crédito.

O aumento do desemprego é outro reflexo da agenda neoliberal. São mais de 13 milhões de trabalhadores sem emprego. Em maio, a taxa de endividamento das famílias atingiu 23,3% da renda que o trabalhador ganha em um ano. Foi o maior patamar dos últimos 14 meses, segundo o Banco Central.

Segundo o economista Márcio Pochmann, o governo poderia solucionar facilmente o ciclo de endividamento. Bastava renegociar as dívidas com redução das taxas de juros, estimular o aumento da produção e do emprego através de programas, além de reduzir os impostos para os trabalhadores que ganham menos, a base da pirâmide social.

E os números reforçam que a população tem se sacrificado para sair do vermelho. O SPC (Serviço de Proteção ao Crédito) apontou que, para quitar dívidas, cobrir gastos de emergência e pagar as contas básicas, 46% das pessoas que usaram cheque especial entraram no limite nos últimos 12 meses.  A entidade ainda constatou que 20% dos usuários usam o cartão de crédito como extensão da própria renda.

Fonte: O Bancário

Deixe uma Resposta