31 jul 2012

Fator previdenciário na pauta da categoria bancária

Autor: riccardus | Categoria: Sem categoria
Além de lutar por maiores salários, melhores condições de trabalho, mais emprego, segurança e reduções efetivas das taxas de juros, os bancários querem também o fim do fator previdenciário. O assunto está na pauta política da campanha salarial deste ano.
O mecanismo foi criado em 1999, no governo do tucano Fernando Henrique Cardoso, para reduzir o valor da aposentadoria e diminuir os gastos da Previdência. Trata-se de uma fórmula de cálculo perversa que, na prática, diminui em média 40% do benefício.
Para o movimento sindical, é inadmissível que um trabalhador complete 35 ou 40 anos de atividade laboral e no final receba apenas 60% do que ganhava. Vale ressaltar que o fator previdenciário trouxe um prejuízo maior aos mais pobres, os primeiros a entrarem no mercado de trabalho, entre os 16 e 18 anos.
Os bancários da Bahia são contra o mecanismo e ampliam a luta pela extinção definitiva. A categoria também não aprova as propostas intermediárias, surgidas no calor das discussões e que ganham corpo no Congresso Nacional. Por isso, o assunto ganha destaque na campanha salarial.
Fonte: O Bancário

Deixe uma Resposta